Desembarques da Normandia
Operação OverlordSegunda Guerra Mundial
Into the Jaws of Death 23-0455M edit.jpg
Desembarque na praia de Omaha, na Normandia6 de junho de 1944, durante a Operação Netuno.
Data 6 de Junho de 1944
Local NormandiaFrança
Desfecho Vitória Aliada.
Após a queda de Chambois e a Liberação de Paris. No final de agosto de 1944 a França é libertada.
Beligerantes
 Estados Unidos
 Reino Unido
 Canadá
Flag of Free France (1940-1944).svg França Livre
Flag of Poland (1928–1980).svg Polónia
 Noruega
 Austrália
 Nova Zelândia
 Luxemburgo[1]
 Dinamarca
 Bélgica
State Flag of Greece (1863-1924 and 1935-1973).svg Grécia
República Checa Checoslováquia
Flag of the NSDAP (1920–1945).svg Alemanha Nazi
Comandantes
Flag of the United States (1912-1959).svg Dwight D. Eisenhower
Reino Unido Bernard Montgomery
Flag of the United States (1912-1959).svg Omar Bradley
Reino Unido Trafford Leigh-Mallory
Reino Unido Arthur Tedder
Reino Unido Miles Dempsey
Reino Unido Bertram Ramsay
Flag of the NSDAP (1920–1945).svg Gerd von Rundstedt
Flag of the NSDAP (1920–1945).svg Erwin Rommel
Flag of the NSDAP (1920–1945).svg Leo Geyr von Schweppenburg
Flag of the NSDAP (1920–1945).svg Friedrich Dollmann
Flag of the NSDAP (1920–1945).svg Hans von Salmuth
Flag of the NSDAP (1920–1945).svg Wilhelm Falley  
Forças
+ 156 000 ~ 50 350
170 canhões de artilharia costeira
Baixas
10 000 baixas (entre mortos e feridos)
Pelo menos 4 400 fatalidades confirmadas
4 414 – 9 000 baixas (entre mortos e feridos)
Milhares capturados

Os desembarques na Normandia consistiram nas operações de desembarque na terça-feira, 6 de Junho de 1944, da invasão dos Aliados da Normandia na Operação Overlord durante a Segunda Guerra Mundial. Com o nome de código Operação Neptuno e muitas vezes referido como o Dia D, foi a maior invasão por mar da história. A operação deu início à libertação dos territórios ocupados da Europa noroeste pelos alemães do controlo nazi, e implantou os alicerces da vitória dos Aliados na Frente Ocidental.
O planeamento para a operação começou em 1943. Nos meses que antecederam a invasão, os Aliados colocaram em prática um engodo de grandes dimensões com o nome de código Operação Guarda-Costas, para iludir os alemães em relação à data e local do principal desembarque Aliado. As condições atmosféricas do Dia D estavam longe do ideal e a operação teve de ser adiada 24 horas; um novo adiamento teria significado um atraso de pelo menos duas semanas pois os responsáveis pela elaboração do plano da invasão tinham definido requisitos para as fases da lua, as marés e a hora do dia, o que significava que apenas alguns dias de cada mês eram considerados adequados. Adolf Hitler colocou o marechal-de-campo Erwin Rommel no comando do exército alemão e no desenvolvimento de fortificações ao longo da Muralha do Atlântico para antecipar uma invasão dos Aliados.

Os desembarques anfíbios foram precedidos por um extenso e intensivo bombardeamento aéreos e navais, e um assalto aéreo—o lançamento de 24 000 homens aerotransportados norte-americanos, britânicos e canadianos pouco depois da meia-noite. A infantaria Aliada e as divisões blindados começaram o desembarque na costa da França às 06:30. O local de destino eram 80 km de praia na costa da Normandiaque tinham sido divididos em cinco sectores: UtahOmahaGoldJuno e Sword. O vento forte que se fazia sentir desviou as embarcações de desembarque mais para leste da sua posição planeada, especialmente em Utah e Omaha. Os homens desembarcaram sob fogo pesado de armas posicionadas para as praias, e a costa estava minada e coberta com obstáculos, tais como estacas de madeira, de metal, tripés, e arame farpado, tornando o trabalho de limpeza das praias difícil e perigoso. As baixas foram mais pesadas em Omaha, com suas altas falésias. Em Gold, Juno e Sword, várias cidades fortificadas foram libertadas com combates casa-a-casa, e duas armas de grande dimensão posicionadas em Gold foram desactivadas, utilizando tanques especializados.

Os Aliados não conseguiram alcançar qualquer um dos seus objectivos no primeiro dia. CarentanSt. Lô, e Bayeux permaneceram em mãos alemãs, e Caen, um objectivo importante, só foi capturado no dia 21 de Julho. Apenas duas das praias (Juno e Gold) foram ligadas no primeiro dia, e todos as cinco cabeças-de-praia só foram unidas no dia 12 de Junho; no entanto, a operação ganhou uma posição que os Aliados expandiram gradualmente nos meses seguintes. As vítimas alemãs no Dia D estimaram-se entre 4 000 e 9 000 homens. No lado Aliado, as vítimas ascenderam a 10 000, com 4 414 mortos confirmados.

Desembarque

The following two tabs change content below.
Avatar
O BLOG Povo de Portugal é originado pelo título original de "Jornal Povo de Portugal". Nasceu em 19 de Novembro de 2007. Data em que nasceu o Jornal Povo de Portugal, editado durante vários anos em papel, foi percursor dos Jornais de Oleiros e de Vila de Rei. Percorreu a Europa, ligou os Portugueses espalhados pelo mundo com inegável sucesso. Vicissitudes várias, determinaram a suspensão que agora acaba, retomando as edições em online numa primeira fase como BLOG. Os insistentes incentivos de tantos Amigos espalhados pelo mundo, determinam a indispensabilidade de admitir esta medida que aqui anuncio com prazer e ambição. Voltaremos em breve a estar reunidos na defesa dos mesmos valores, dos mesmos objectivos, agora sob a designação de BLOG.