ÚLTIMA HORA

Portugal repõe o controle de fronteiras durante a visita do Papa a Portugal.

……………………….

Portugal empenha-se na necessidade de segurança especial ao papa Francisco

Já foi elaborado um plano preparatório da visita do Papa Francisco a Portugal e a secretaria-geral do Sistema de Segurança Interna está a trabalhar no plano de segurança.

O líder da Igreja Católica vai estar em Fátima um dia e meio entre 12 e 13 de maio para a comemoração do centenário das aparições.

O plano preparatório da visita de Francisco define o local da aterragem e como se irá deslocar durante a estada em Portugal, de acordo com o Público.

Está planeado que o Sumo Pontífice chegue ao nosso país pela base aérea de Monte Real no dia 12 de maio e regresse a Roma da mesma forma no dia seguinte, depois das cerimónias religiosas.

A procuradora e secretária-geral do Sistema de Segurança Interna, Helena Fazenda, está responsável pela articulação das forças e dos serviços de segurança.

As reuniões preliminares começaram há já vários meses, mas o plano começa agora a ganhar forma.

Durante a semana passada, os responsáveis das diferentes forças e serviços do Gabinete Coordenador de Segurança reuniram-se para discutir a visita.

Necessidade de segurança muito apertada

A reunião incluiu comandantes-gerais da GNR e da Polícia Marítima, directores nacionais da PSP, da PJ e do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, responsáveis das secretas, responsáveis da Autoridade Nacional de Aviação Civil e da Autoridade Nacional de Protecção Civil.

As autoridades portugueses estão também a trabalhar em conjunto com os responsáveis de segurança do Vaticano.

Um dos grandes desafios desta visita é o facto de o Papa Francisco ir visitar apenas Fátima e não se deslocar a nenhuma grande cidade, como o próprio expressou que seria a sua vontade.

Se por um lado, o Sumo Pontífice irá estar menos exposto, por outro lado, a afluência de peregrinos esperada em Fátima é bastante superior.

A GNR será a principal responsável pelo dispositivo de segurança no terreno.

No entanto, em outras ocasiões a tutela do comando da operação ficou a cargo do comando territorial de Santarém, mas desta vez o comando da operação ficará sob a tutela do comando-geral.

Vão ser mobilizadas para a ocasião unidades de intervenção e de segurança e honras do Estado, que incluem o Grupo de Intervenção de Operações Especiais, o Grupo de Intervenção Cinotécnico, o Centro de Inactivação de Explosivos e patrulhamento a cavalo, entre outros.

A GNR fez também mudanças para melhorar e modernizar o sistema de videovigilância do Santuário de Fátima que permite agora gravar imagens com mais definição e maior zoom.

Os serviços secretos e a PJ ficarão responsáveis pela recolha de informações e definição do grau de ameaça terrorista no evento, uma avaliação que é ajustada consoante o momento.

Para além da visita do Papa Francisco a Portugal, a Igreja Católica comemora o centenário das aparições de Fátima.

A combinação dos dois factores leva a previsões de grande afluência ao santuário entre 12 e 13 de maio.

O recinto de oração tem capacidade para 330 mil pessoas, que podem chegar às 500 mil se se incluirem as imediações.

Em toda a zona, não haverá capacidade para mais do que um milhão de pessoas, segundo o departamento de comunicação do Santuário de Fátima.

Outro desafio para a segurança das comemorações e para a visita é o facto de ser esperada a participação de altas figuras de Estado.

Aumento extraordinário de segurança é uma possibilidade em aberto

Só se saberá mais próximo da visita se o controlo documental nas fronteiras portuguesas será reposto, como foi implementado na cimeira da NATO, em 2010.

Recentes notícias relativas ao 3º Segredo de Fátima ampliam preocupação

De acordo com contactos informais com entidades preocupadas com a situação, as opiniões dividem-se sobre se o 3º Segredo foi ou não já revelado.

Na verdade, o “Bispo vestido de Branco” que se supunha ser João Paulo II, parece não o ser, e especula-se sobre quem será “o Bispo de Branco”.

Acresce que vários Chefes de estado virão a Portugal.

10 hospitais da região estarão de prevenção

Incluem-se todos os da região e 3 de Lisboa e 2 no Porto.

  • Com redacção e fontes diversas.
Papa Francisco

Papa Francisco

The following two tabs change content below.
Avatar
O BLOG Povo de Portugal é originado pelo título original de "Jornal Povo de Portugal". Nasceu em 19 de Novembro de 2007. Data em que nasceu o Jornal Povo de Portugal, editado durante vários anos em papel, foi percursor dos Jornais de Oleiros e de Vila de Rei. Percorreu a Europa, ligou os Portugueses espalhados pelo mundo com inegável sucesso. Vicissitudes várias, determinaram a suspensão que agora acaba, retomando as edições em online numa primeira fase como BLOG. Os insistentes incentivos de tantos Amigos espalhados pelo mundo, determinam a indispensabilidade de admitir esta medida que aqui anuncio com prazer e ambição. Voltaremos em breve a estar reunidos na defesa dos mesmos valores, dos mesmos objectivos, agora sob a designação de BLOG.